sábado, 17 de outubro de 2015

Assim estou eu!...





Sem sol, sem alegria
Sem sonhos nem ilusões;
Sem uma réstia
De fantasia.

Amorfa…

Tão descrente de tudo
E tão sombria
Como este Céu
Sem luz, sem cor

Que entristece
A minha alma
E escurece minha rua.

_______________________________________

QUE TENHAM OS MEUS AMIGOS UM MEMORÁVEL E INESQUECÍVEL

F I M - D E - S E M A N A.

29 comentários:

  1. Sé espero que este vendaval te leve esse estado de alma para bem longe e recuperes a alegria, a fé a confiança e a esperança.
    Bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lá terá que ser, Papoila.

      Esta apatia nem parece minha.

      Beijinhos e obrigada

      Eliminar
  2. Então que se passa minha amiga ? ... Não gosto disso !
    Estarias bem melhor connosco amanhã e certamente que também todos estaríamos
    melhor ainda com a tua fantástica presença ! Não haveria tristeza ! :))

    ... mas uma coisa é de assinalar. Esse teu estado, não te tirou as qualidades poéticas ! ...
    Vamos lá a arrebitar e se é preciso um beijinho cá estou eu ! :) O "tal abraço" seria mais "melancólico" ! rsrs
    .

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amigo Rui,

      Beijos e abraços nunca são demais.

      Hoje, isto andou tão mal que já parecia o Monte dos Vendavais. Livra!

      Amanhã, quando vieres já estarei arrebitada. Com sol ou chuva....
      Assim, já nem eu me suporto.

      Cá vos espero! :))

      Beijinhos meus

      Eliminar
  3. Janita
    até acredito ?!
    Assim escrevia o poeta francês
    Alfred de Musset (1810-1857):

    Les plus désespérés sont les chants les plus beaux,
    Et j'en sais d'immortels qui sont de purs sanglots.

    ou seja "os mais desesperados são os cantos mais belos,
    e conheço alguns imortais que são autênticos prantos"

    sem ir tão longe Janita! posso dizer-te que por aqui o vento uivou uivou uivou para empurrar as nuvens do oceano, mas que entretanto as temperaturas continuam altas por que é chuva do sul!
    abracinhos
    Angela

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Angela Amiga,

      por aqui não ouvi o vento uivar foi mais de assobiar por tudo o que era fresta!...

      Prefiro ser uma não desesperada a ser poetisa consagrada!
      Ah, não! nem pela beleza do arco-íris eu suporto mais tempestades na minha vida.

      Um beijinho, minha querida!

      Eliminar
  4. Um ramo de margaridas amarelas e um abraço ajudam a imaginar o sol?


    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isso, Ricardo! Faz isso...Traz-me um ramo de margaridas da cor do Sol e dá-me um dos teus abraços.
      Amanhã estarei bem.

      Beijinhos, dourados!! :)

      Eliminar
  5. Respostas
    1. Meu bom amigo...

      O que se passa? Passa que a vida é madrasta!

      Beijitos e obrigada, Antonio!

      Eliminar
  6. Nestes dias fecho os olhos para ver melhor

    Bj

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sábio conselho, Mar.

      Com os olhos fechados vemos melhor. para dentro de nós!

      Beijo

      Eliminar
  7. Força, que dias melhores venham!! Toca a arrebitar!
    Bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Carpe Diem.

      Arrebitarei!
      Fizeste-me lembrar um amigo a quem disseram. Carpe Diem e diz ele - com muita graça - "E eu carpendiei"...Parece que resultou!

      Tens uma energia tão positiva e eu preciso muito disso. Vou passar a ser tua seguidora e visitar-te amiúde...assim o meu tempo ajude!

      Um beijinho e o meu agradecimento.

      Eliminar
  8. Então, menina, o que é isso?! Não é costume teu!!

    Beijinhos e toca a animar!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Gracinha, tens razão, vais ver que amanhã quando cá chegarem vão encontrar uma Janita mais jovial e divertida.

      A tristeza, envelhece a alma e o resto!!

      Beijinhos.

      Eliminar
  9. Menina, mas então o que se passa?! O Rui dá-te um beijinho e eu dou-te um abraço alegre. Tás a precisar de algo que te anime... um cálice de qualquer coisa, com uma boa fatia de bolo de queijo (preferivelmente sem açúcar) e um “movie” cómico!
    Olha, eu vou fazer uma bola de salmão e queijo filadélfia... depois “pranto” no blogue e fico satisfeita!!
    Bjos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Catarina, dos olhos d'ouro,

      Se a tua intenção era alegrar-me , conseguiste! Segui o teu parecer e bebi um cálice de jeropiga e comi um biscoito de limão. O filme cómico é que não!
      Nada como ir ao teu blogue, para nos sentirmos pra cima, melhor do que uma ida ao psicólogo!
      Podes 'prantar' à vontade que eu amanhã vou lá alegrar a vista.

      Subitamente, este "prantar" trouxe-me à memória uma Crónica do CBO.

      Lembras-te do texto "Prantelhana"? Deu-me uma saudade! :(

      Um abraço, Catarina e bem.hajas!

      Eliminar
  10. Se a tua alma está como o céu
    Se há nuvens lá
    Pára e pensa
    A chuva é necessária

    (que seria de nós sem sua água?)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O pior, amigo Rogério, é que este negrume só trouxe ventania e prejuízos.

      Tristeza e desalento.
      Chuva que era bom
      e fazia bem,
      foi embora com o vento...

      Amanhã o Rogério e a Teresa também vão almoço? Não percam!
      Depois diga como foi.

      Beijinhos

      Eliminar
  11. Deixo um texto meu… não sei se ajuda.

    http://aorgiadepalavras.blogspot.pt/2008/04/domingo.html

    Beijinhos e bom domingo,
    FATifer

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. FATifer.

      Ajudou e muito!

      Adorei o teu poema ( que já está no meu arquivo ) que é muito a minha "cara". Também estou imensas vezes triste...'sem estar triste', ou seja, sem haver uma razão plausível para isso.

      Ri com os comentários!!!...Foste um querido!
      Obrigada!

      Beijinhos e...Bom Almoço!! ;))

      Eliminar
  12. Bom dia, temos dias e dias, melhores dias virão de emediato, nunca deixe de sorrir.
    AG

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, A. Gomes!

      Meu amigo, a vida é feita de choro e riso. E sorrir é essencial...Pensarei sempre no seu conselho.
      Obrigada.

      Beijinho e bom Domingo

      Eliminar
  13. Amiga querida.
    Infelizmente não consegui ir ao almoço, só agora vim à net, venho-te visitar para me animar e encontro um céu igual ao meu, puxa vida !
    Vá lá! Temos que nos animar que a vida é curta demais.

    Um grande beijinho aqui do sul :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oh, amiga, que pena não teres ido ao Encontro de Amigos!
      Pensei que estivesses lá!
      Paciência, ficará para uma próxima vez.
      Infelizmente, nem sempre as coisas acontecem como gostaríamos.

      Já estou mais animada e tu anima-te também, minha querida.

      Há sempre um amanhã que esperamos seja melhor.

      ( Já estive em contacto com o amigo Rui, está tudo a correr muito bem, mas pensei que também lá estivesses )

      Um grande, grande beijinho, amiga Fê!

      Eliminar
  14. O tempo está a melhor e o ânimo tem de subir também.
    um bom Domingo e
    um beijinho muito grande e vamos aguardar por um próximo almoço
    Gábi

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, Gábi! O tempo melhorou e a chuvinha também faz bem à horta!! :)

      O próximo Encontro vai ser cá no Porto, espero que os amigos da capital e arredores, não faltem.

      Beijinhos e bom Domingo também para ti :)

      Eliminar
  15. Pronto, agora trazes à baila um vendaval de nuvens negras carregadas de chuva.
    Achas bem? Evidentemente que não! E não precisamente porque (eu já te disse isto) a chuva cai mas não permanece e é depois e sempre o Sol brilhando num céu azul que transforma um dia cinzento num dia pleno de cores que encherão a tua rua, a tua alma, a tua fantasia enfim...
    Por isso e por isto tudo só tens duas opçõns: ou mudas de céu, ou mudas de céu!
    Para te ajudar na decisõn: beijokas grandes carregadinhas de sorrisos.

    §- com aquela cena de "amorfa" assustei-me: irá ela transforma-se num fósforo?

    ResponderEliminar