sexta-feira, 11 de março de 2016

Confissões Macabras...





Em Pias, no leito de morte,  Albertina decidiu confessar ao António:
- Toino, sabias co nosso filho más velho nã é tê filho?

O Toino, muito tranquilo, responde-lhe:
- Dêxa lá Albertina, nã há nenhum problema…

Albertina, muito intrigada com toda a calma do sê Toino, suplica-lhe:
- Escuta lá Toino! Vê se intendes! Tou a dizêr-te cô té filho não é teu!

E o Toino muito serenamente responde-lhe:
- Pois, sim senhôra…eu entendi, Albertina.

- Ai, Jasus!! Por que raios atão tu nã tás zangado e ficas tã  sogadinho, homi?! – pergunta a alentejana aflita.
Finalmente, o Toino lá responde:
- Pois… sabes Albertina,  este filho nã é tê filho, tamém…

Albertina indignada rebate:
- Como nã é meu, home de Deus? Sê carreguê o desinfeliz na minha barriga durante nove mesis?!


E explica o alentejano:
- Lembras-te quando tu tavas na maternidade me pediste para trocar o menino, que tava todo cagado?  Pois…ê troquê-o por um limpinho que tava ao lado…



TENHAM TODOS:


30 comentários:

  1. Já conhecia. Está bem apanhada. Os alentejanos são o máximo. Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ...São o máximo e são o mínimo; conforme o que lhes convém, José!! Dizem, que eu cá na sê!!

      Abraço. :)

      Eliminar
  2. Ponderação e seriedade no seu expoente máximo Janita :)))

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois, Ângela, que a hora assim o exigia! :))

      Beijinhos

      Eliminar
  3. ahahah... Não sabia que no Alentejo há homens loiros, Janita ! rsrs

    :)) Mais um Abraço ! :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. :)) Mas este alentejano não foi loiro, Rui; Foi pela lei do menor esforço!!...Ou na fosse Alentejano...Mudar a fralda ao moço dava munto trabalho! ehehehe

      Beijinhos! :)

      Eliminar
  4. Olá Janita, já deu para rir. Valha-nos a boa disposição. Beijos com carinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, minha querida amiga! Quantas saudades de ver por aqui!

      Tens de aparecer mais vezes. Isto da blogosfera é uma excelente terapia. Não te entregues aos problemas, vai aparecendo, conversando e rindo, e a vida parecer-te-á mais leve! Acredita, que eu sei do que falo!

      Beijinhos, com carinho, também para ti.

      Eliminar
  5. Não conhecia. Muito boa!
    Um abraço e bom fim de semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Elas (as anedotas) são tantas, que entre todas as conhecidas lá aparece uma nova, Elvira. :)

      Um abraço.

      Eliminar
  6. Fantástico! Não conhecia mesmo!!!
    Bom fim de semana!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tio do Algarve,

      Sê bem vindo. Tens andado desaparecido...

      Ainda bem que gostaste! :)

      Beijocas

      Eliminar
  7. Respostas
    1. Eheheheh

      Um abraço comadre, Graça!!

      Eliminar
  8. Isto minha amiga, é o que eu acho de igualdade :))
    Também na hora da morte,desculpa-se tudo !
    Muito boa mesmo, para acabar o sábado em beleza.

    Um beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A hora assim o pedia, amiga! A verdade é como o azête...vem sempre ao de cima! Lol

      Beijinhos, Fê! :)

      Eliminar
  9. Ahahaha... Não estava mesmo à espera deste desfecho.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Foi um final inesperado, não foi, Luisa? :))

      Beijinhos! :)

      Eliminar
  10. Ahahah, Muito boa, não conhecia.
    bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ha sempre alguma que nos escapa, Papoila!! :)

      Beijinhos

      Eliminar
  11. Confessões ma_cabras?
    Na sarão ma_cabronas?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eheheheh

      Pois, na sê que lhe diga, compadre Rogério! Se calhar, são!!

      :))

      Eliminar
  12. Pois então...mais coisa menos coisa nem sai ao pai nem à mãe!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Luis Coelho,

      Assim sendo é o mais certo! A quem sairá o moço? eheheh

      :)

      Eliminar
  13. :))
    Pois é, Janita, os homens são demasiado práticos.

    Uma boa semana :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A acreditar no Toino, tudo leva a crer que sim, AC!! :))

      Uma boa semana também para ti.

      Beijinhos

      Eliminar
  14. Gostei, ou melhor: GUSTÊ!!!
    Algumas tenho ouvido aos próprios alentejanos que são "finas" e de recorte subtil o que ainda mais as valoriza.
    ... e depois quando OUTROS contam anedotas sobre os alentejanos (que são lentos, lerdos, etc.) dá-me cá uma vontade de rir...
    Se eles os conhecessem (ao alentejanos) as anedotas seriam outras.
    Beijokas com... sorrisos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não há 'pai' para os alentejanos, é o que é!! :))

      Ninguém sabe contar anedotas com tanta piada como eles, e são os primeiros a rir das mesmas...ah, mas não se armem em chicos espertos com eles. Senão levam o que contar!
      Não falo por mim, que de alentejana já pouco tenho; a não ser o grande amor pelas minhas memórias de infância...
      Quem dera voltar a ver-me a correr pelas ruas e de ir com a minha tia Ana para o Monte dela, a pé, ou na sua (dela) burrinha. :))

      Beijokas, Kok!!

      Eliminar
  15. :))) esta não conhecia e fez-me rir :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ...E rir faz tão bem à saúde, não faz Gábi?? :))

      Beijinhos

      Eliminar