sexta-feira, 11 de novembro de 2016

Até Sempre, Mr. Cohen.


Leonard Cohen, durante uma entrevista, em Madrid.  Foto de GORKA LEJARCEGI.





Entre  a declamação e o sussurro, Leonard Cohen anuncia :
 "I’m ready, my Lord".


Mas nós, não. 
Ainda não estávamos...
...nunca estamos!





27 comentários:

  1. Jamais partirá da nossa memória.
    Jamais se calará enquanto for possível escutarmos a sua voz envolvente no sussurro dos seus versos.
    Jamais a sua ausência física será mais relevante do que a sua obra.
    Jamais morrerá na nossa memória.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade, Kok!
      Há pessoas que se libertam da lei da morte através da obra que deixaram na memória e na vida das pessoas. Cohen é um deles.

      Beijinhos.

      Eliminar
  2. Não é fácil falar de Cohen sem correr o risco de pecar por defeito.
    Partiu? Fisicamente sim, apenas isso.

    Beijinho, Janita, bom fim de semana.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. António,
      Cohen estava preparado para partir e partiu!
      Como as palavras são sempre demais, quando falamos de pessoas cujo valor transcende tudo o que se possa dizer, o melhor é dizer pouco.

      Que descanse em Paz.

      Um beijinho e bom fim de semana.

      Eliminar
  3. Partiu o corpo, as suas canções, a sua escrita permanecerá para sempre na memória daqueles que o admiravam.

    Beijinhos Janita

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A sua voz sussurrada e quente jamais o afastará de nós, aqueles que o tinham como alguém chegado. Muito chegado, mesmo.

      Beijinhos, Manu.

      Eliminar
  4. Ficam a sua voz, a sua poesia e a sua música.
    RIP

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fica todo o precioso legado que Cohen deixou ao mundo, José.
      Quem o ouvia, continuará a ouvir. Leonard Cohen apenas se mudou para uma outra dimensão.

      Um beijinho.

      Eliminar
  5. Não deixemos morrer os nossos mortos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Jamais, Poeta amigo, jamais.

      Um abraço.

      Eliminar
  6. Janita há pessoas que nunca partem, ele será uma dessas pessoas. E continuará a despentear-me a alma sempre que o ouvir dizer "I'm Your Man"

    Até Sempre, Mr. Cohen.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Até me fizeste arrepiar, Noname.
      "I'm Your Man", desgrenhou muitas almas.

      Beijinhos.

      Eliminar
  7. Estamos em sintonia nesta homenagem minha querida amiga.
    Para nós que admiramos a sua voz, a sua música, a sua poesia, enfim, a sua arte estará sempre vivo.

    Um beijinho e bom fim de semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sinceramente, não posso dizer que fui apanhada de surpresa, amiga Fê, e tu também sabes o porquê.
      Este seu último álbum já deixava antever a sua partida.
      Fica a sua obra e isso torná-lo-á imortal.

      Um beijinho querida Fê!

      Eliminar
  8. Estive a ouvir as suas músicas, a ler os seus poemas. Assim lhe prestei homenagem. A um homem que nunca soube o quanto me ajudou.

    Abraço grande

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Esta forma de o homenageares é a única e melhor homenagem que se deve e pode fazer, a quem tanto nos deu.

      Um beijinho.

      Eliminar
  9. Sabemos que essa é a verdade final da nossa vida ! Vamos recordá-lo na sua música e canções. Estará sempre connosco !

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O fim inevitável para todos nós, Ricardo.
      Aquilo que fazemos entre a chegada e a partida, é que faz com que uns atinjam a imortalidade e outros passem como se nunca por cá tivessem passado.
      Escrever um livro, fazer um filho e plantar uma árvore; poderá ser algo, mas não é tudo...

      Um abraço, Ricardo.
      Bom fim de semana.

      Eliminar
  10. Não sei que comentar! Sei que guardo na memória as suas musicas que ouvia na RFM no programa "Oceano Pacifico" dentro do meu carro porque não tinha vontade de ir para casa, depois da partida do meu marido, noite após noite, durante meses. Cá em casa ou no carro os CDs continuam a ser muitos muito ouvidos.

    Bom fim de semana.

    Beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também não sei que mais possa dizer, querida Adélia.
      Talvez esta frase que li na internet e dizem ser de sua autoria:
      " O amor não tem cura mas é o único remédio para todas as doenças".

      Cohen foi juntar-se ao grande Amor da sua Vida. Penso que, onde quer que esteja, está feliz.

      Beijinhos.
      Bom fim-de-semana.

      Eliminar
  11. Leonard Cohen morreu?
    Nem penses,
    velhos desses apenas adormecem

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nem Cohen era 'velho' nem adormeceu.
      Tão pouco morreu.
      Apenas se afastou fisicamente.
      Que estará sempre presente
      na memória de quem dele gostava
      nisso, creio, piamente.

      Um abraço, Rogério.

      Bom fim-de-semana. :)

      Eliminar
  12. Respostas
    1. Vieira Calado,
      "Até Sempre" é o que dizemos àqueles de quem não nos queremos separar. Fica aqui dito e escrito, de um Poeta para outro.
      Um abraço.

      Eliminar
  13. Homens como ele não morrem nunca. Há muito ganharam estatuto de imortalidade.
    Um abraço e bom fim de semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A marca indelével que Cohen deixou, assim o faz prever, Elvira.

      Um abraço.
      Bom fim-de-semana.

      Eliminar
  14. Boa leitura das estrelas. Sem lamechice como convém.

    Boa noite.

    ResponderEliminar