quinta-feira, 24 de junho de 2021

Parabéns Meu Filho. [ Com Adenda ]

 





Que tenhas Saúde e Muito Amor na tua Vida 
e sejas sempre Feliz!!



  💙 💙 💙

Adenda:

Acabei de receber esta deliciosa imagem e não posso deixar de a partilhar convosco. 😄


😂 😂 😂

quarta-feira, 23 de junho de 2021

SÓ ESTA PENA ME EXISTE!

 



Fotos minhas.


Noite de São João, 

por onde ficaste perdida?

Mesmo com sardinhas, broa e bom vinho

não é a mesma coisa, nada tem sabor

sabendo que 

não há manjericos nem folia.



Só há São João onde houver sorrisos,

gente feliz e muita alegria.



***


 


---------------------------------------------------------------

NÃO HÁ AGORA, MAS HAVERÁ.

-------------------------------------------------

segunda-feira, 21 de junho de 2021

CHEGOU O VERÃO??

 Chegou o Verão, diz-me o calendário

Pois a mim mais me parece Inverno/Outono

Sem ver o Sol brilhar troquei de vestuário

Despi-me de calor e ando cheia de sono.




Se o desejares junta-te a mim, escreve um verso, 

uma quadra, o que quiseres.

Junta a tua voz à minha 

a ver se o Sol brilha. 

Pra fazer chegar o verdadeiro Verão, 

que nos anima.

Escreve o que quiseres,

 com ou sem rima.



A Foto é minha, a Orquídea é da minha mana.


********************************************
---------------------------

sexta-feira, 18 de junho de 2021

Vamos Sorrir? 😊

 Em tudo...

Há sempre uma primeira vez!


😘

Lindo menino!!

***

Um jantar...

Nunca é de graça?


😋

Este, foi!!


BOM   FIM-DE-SEMANA

Foto minha.

👍

quinta-feira, 17 de junho de 2021

EM NOME DO AMOR.


Imagem daqui.



 Foi em 17 de Junho de 1631, que Muntaz Mahal morre, ao dar à luz o seu décimo quarto filho. Diz a Lenda - entre outras coisas mais - que seu marido, Shah Jahan, imperador do Império Mongol, iria demorar 20 anos para construir o seu mausoléu, o  belo Monumento: Taj Mahal.

 Mumtaz Mahal tinha 39 anos. 


E agora sim! A Flor-da-Paixão!!

 
* * * * * * * * * * 
* * * * * * * * 

terça-feira, 15 de junho de 2021

ENTRE A LUZ E A TORMENTA.

 

Foto minha


Às vezes entre a tormenta,
quando já humedeceu,
raia uma nesga no céu,
com que a alma se alimenta.

E às vezes entre o torpor
que não é tormenta da alma,
raia uma espécie de calma
que não conhece o langor.

E, quer num quer noutro caso,
como o mal feito está feito,
restam os versos que deito,
vinho no copo do acaso.

Porque verdadeiramente
sentir é tão complicado
que só andando enganado
é que se crê que se sente.

Sofremos? Os versos pecam.
Mentimos? Os versos falham.
E tudo é chuvas que orvalham
folhas caídas que secam.


 Fernando Pessoa, in "Cancioneiro".



******************************************

********************


domingo, 13 de junho de 2021

E ASSIM, DIA APÓS DIA.... SE PASSARAM VINTE MESES.

 

...E o meu príncipe vai crescendo e aprendendo a ser homem.

Na escolinha

"Lizzy lê uma história do livro de Dikkie Dik,
na história, quando Dikky Dik esbarra na TV.
Estrondo! Noah disse: "Oh, oh "...



Com as amiguinhas





Em casa praticando  os dançares aprendidos na escolinha.



Atento às compras que os pais fazem.
* *
Finalmente, em casa

Analisando atentamente a contracapa do livrinho sobre 
veículos que a avó enviou de Portugal.



PARABÉNS   NOAH

💚💚  😄 💓💓




sábado, 12 de junho de 2021

NOITE DE BREU E FANTASIA.

 

Foto minha


Há noites sem fulgor em que a fantasia

encontra lugar certo

para entrar.

Infiltra-se, insidiosa,

e depressa faz das suas,

deixando-me loucamente 

a divagar.


E nessa divagação louca e sem sentido,

levando-me a lugares

nunca vividos,

faz-me ainda acreditar

ser possível existires

 e que esperas por mim,

algures, 

num fantástico lugar.


*** Janita***


Foto minha.

----------------------------------------------

-----------------