sábado, 22 de novembro de 2014

Uma Estrada Que Brilha No Escuro.

 
Com apenas 6oo metros, esta original ciclovia está iluminada graças a milhares de pedras luminosas dispostas em espiral.
Uma estrutura criada pelo designer Daan Roosegaarde para homenagear o quadro "Noite Estrelada", já aqui publicado, de Vincent van Gogh, uma vez que passa pelo local onde nasceu o célebre pintor.
Esta ciclovia é alimentada por energia solar, e fica...nos Países Baixos!         
A tela "Noite Estrelada" de van Gogh

Nós, por cá, já vamos tendo algumas vias destinadas apenas a ciclistas, especialmente, nas zonas mais planas como a região de Aveiro e outras. Já imaginaram se alguém (leia-se autarquia) se inspirasse nesta ideia e iluminasse alguns troços dessas vias, através de energia solar, aproveitando o nosso excelente clima?
Qual seria a vossa sugestão a respeito do pintor, cantor ou arquitecto, a ser homenageado?  Onde e porquê? Apelo á vossa imaginação e deixo a caixa de comentários à vossa disposição!


31 comentários:

  1. Álvaro Siza Vieira

    e

    Ephraim Owen Goldberg conhecido como Frank Owen Gehry

    porque que são os meus arquitectos de eleição.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, querida Ematejoca!

      Quando agendei ontem o post, para hoje, também pensei em Álvaro Siza Vieira e como ficaria lindo se uma parte do caminho que dá acesso à renovada Casa de Chá, da Boa Nova, pudesse ser iluminada por esse tipo de pedras, numa justa homenagem ao famoso arquitecto.

      Como vês, tivemos s mesma ideia! :)

      Um beijo, Teresa!

      Eliminar
  2. O pintor alemão Gerhard Richter, um dos mais notáveis artistas do século XXI.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Para esse pintor alemão, ficaria bem ser homenageado na sua terra Natal que é Dresden!
      Não seria de desdenhar um troço iluminado de uma ciclovia numa qualquer Rua de Düsseldorf, onde também viveu. Que dizes?

      :)

      Eliminar
    2. :-))

      Claro, Ematejoca!

      Nem esperava outra coisa.

      Obrigada e desculpa responder desta forma, que por motivos desconhecidos, os comentários saem que é uma beleza...com a minha conta, até se perdem...
      Há coisas que só o Blogger entende!...

      Boa semana, Teresa!

      Eliminar
    3. Bolas!...Claro que sou eu, a Janita!!

      Eliminar
  3. O tenor alemão Jonas Kaufmann, que tem ao mesmo tempo uma voz excepcional, uma beleza impressionante, e é, sobretudo, um homem tremendamente inteligente — estudou matemática.

    AMEI ouvi-lo como Parsifal (Wagner), Don Carlo (Verdi) Lohengrin (Wagner) e Il trovatore (Verdi).

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Outra hipótese a considerar, Ematejoca!...

      :)

      Eliminar
  4. Em que cidade dos Países Baixos ficam as pedras luminosas?

    Aqui, em Düsseldorf, temos bancos luminosos nos parques.

    Um bom fim de semana, Janita, mesmo sem pedras luminosas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Esta ciclovia iluminada em homenagem ao quadro "Noite Estrelada" fica em Groot-Zundert, no sul da Holanda, onde Vincent van Gogh nasceu, Amiga!

      Um bom fim de semana também para ti, com muita iliminação no coração, Teresa.

      Obrigada!

      Eliminar
  5. Li agora num jornal alemão que há "Sola Road" em várias cidades holandesas como em Nuenen — Vicent van Gogh trabalhou aqui de 1883 até 1885 — em Eindhoven e em Amesterdão.

    ADOREI Uma Estrada Que Brilha No Escuro. Muito obrigada, Janita!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Grata por esta tua informação complementar que enriqueceu, em muito, este post, Ematejoca!

      Sinto-me honrada pela tua visita e comentários!

      Muito grata e o desejo tudo de bom para ti!

      Beijinhos

      Eliminar
  6. - Siza Vieira
    - Lima de Freitas (ou Rogério Ribeiro)
    - José Afonso

    Quanto às estradas iluminadas a ideia é boa,
    mas a EDP não ia achar piada...
    é elevada a conta que a BRISA lhe paga

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Rogério.

      Nomes que mereciam um longa e iluminada ciclovia ( para não nos desviarmos do projecto de Daan Roosegaarde).

      Sabe que já existem entidades privadas a fornecer energia à EDP, obtida através de painéis solares? Ah, pois!...

      :)

      Um abraço.

      Eliminar
  7. Olá, Janita!

    E uma ideia luminosa deu à luz uma estrada iluminada, e sem que por isso se tenha que pagar.Oxalá que por cá a moda pegue...
    E quanto a gente cá do burgo a homenagear, aqui vai:

    Maluda, pelos quadros sobre as janelas de Lisboa; Siza Viera, pela casa de Chá em Leça;e Carlos do Carmo pelo grande cantor que é, e por ter dado ao fado uma dignidade e projecção que não tinha.

    E deixo os votos de bom fim de semana.
    Beijinhos amigos
    Vitor

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Vitor!

      Se nos Países Baixos conseguiram iluminar uma estrada por meio de energia solar, imagina o que poderíamos nós fazer por cá!!

      Quanto aos nomes a homenagear, que sugeres, estão aprovadíssimos, Vitor!

      No arquitecto Siza Vieira já falei em cima com a Ematejoca, que o lembrou e muito bem.
      A pintora Maluda, grande amiga da nossa Amália - outro nome a considerar - e a quem Carlos do Carmo poderia ceder a vez, já que foi recentemente homenageado.
      Achas bem assim? :)

      Beijinhos muito amigos e votos de excelente domingo.

      Janita

      Eliminar
  8. Pois... o que se poderia fazer com o Sol que aqui brilha todo o ano, mas que não sabemos e não queremos aproveitar neste lindo País que é o nosso !!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não poderia estar mais de acordo com o que expressas, Ricardo!

      Temos muito potencial que poderia ser aproveitado em prol do bem estar da população , mas todos se inclinam para o proveito próprio sem olhar a meios para obter bens que de iluminados nada têm.
      São até bastante obscuros...

      Obrigada, Ricardo!

      Um abraço.

      Eliminar
  9. Adorei a estrada a brilhar!
    Seria uma óptima ideia aproveitar o sol.
    Nós por cá temos já algumas vias só para peões e ciclistas, é espectacular.

    Bom restinho de domingo Janita

    beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Flor!

      Já pensaste como seria bom fazeres as tuas caminhadas ao lusco-fusco, num caminho iluminado, aproveitamento a luz do sol?
      Seria muito bom, agora que os dias são mais pequenos...

      Um beijinho grande, minha querida!

      Eliminar
  10. Que bonito, Janita! Não conhecia e até já estive em Amesterdão.

    Por cá, poderiam celebrar o Almada, em Lisboa, claro!!

    Beijinhos e boa semana.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Graça.

      Lá também não têm clima que possa favorecer este tipo de iluminação em todas as cidades. Isto deve ter sido um miminho à memória de van Gogh!

      Excelente a tua ideia, Graça! Almada Negreiros também foi um pintor que bem merecia uma homenagem destas.

      Um beijinho e boa semana.

      Eliminar
  11. Com ou sem homenagem, é uma excelente ideia e ficaria bem em qualquer ciclovia do país. Haja é ciclovias... :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Penso o mesmo, Luísa! Em relação às homenagens...porque ciclovias só fazem sentido em localidades planas!

      Já viste o que seria pedalar em ruas de cidades - como a Covilhã - que mais parece um presépio? Na subida ficavam a deitar os bofes pela boca....:)

      Eliminar
  12. A minha sugestão já foi dada.
    Mas repito-a porque é alguém que muito admiro - Álvaro Siza Vieira.
    Beijinhos e votos de boa semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lamento, Pedro Coimbra, e peço desculpa, mas o meu blog já me está a pregar a partida do costume! Diz-me que o blog não responde e que tenho de recuperar a página Web...
      Assim sendo vou responder como ´'anónima'...

      Agradeço a sua sugestão, amigo Pedro, essa foi também a escolha que teve mais 'votos'. :)

      Beijinhos e uma excelente semana.

      Janita

      Eliminar
  13. Parece-me que seria uma óptima ideia.
    Ideias para homenageados...talvez todos aqueles que gostam de andar de bicicleta (eu gostei quando era adolescente, depois deixei de andar :)
    um beijinho e uma boa semana
    Gábi

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ora nem mais, Gábi! Sábia resposta!

      Quem melhor para transitar em ciclovias que as pessoas que gostam de pedalar?
      Olha que andar de bicicleta é coisa que nunca se esquece, diz quem sabe! Eu, há tantos anos que não ando, que acho já ter desaprendido! :))

      Outro beijinho também para ti e votos de boa semana.

      Janita

      PS. Por favor, lê em cima o que escrevi ao Pedro, em relação à resposta.

      Eliminar
  14. José Malhoa, pintor que tão bem soube pintar Portugal e os portugueses?

    Abraço grande

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Então, não, Argos??

      O quadro da "Severa" de perna esticada na taberna a cantar o Fado, é digno de uma homenagem especial! Com luzinhas ou não...

      Andaste desaparecido 'em combate'? :-))

      Beijinhos da Janita...

      Já viste ao estado de cansaço a que o meu blog chegou? Já nem ele quer saber de mim...:(

      Eliminar