quarta-feira, 8 de março de 2017

HOJE, COMO N'OUTRO DIA QUALQUER...

...SOU MULHER!!


                                     



38 comentários:

  1. Feliz dia Janita um bem-haja a todas nós
    Kis :=}

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. "As muito feias que me perdoem
      mas beleza é fundamental.
      É preciso que haja qualquer coisa de flor em tudo isso
      Qualquer coisa de dança..."

      "Receita de Mulher"
      Vinícius de Moraes

      AvoGi,

      bem-haja a Mulher: Mãe da Humanidade.

      Beijinhos. :)

      Eliminar
  2. "Hoje como noutro dia qualquer".
    Dizes bem, amiga, dizes bem.
    Beijinho, Janita.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. "Não há meio-termo possível. É preciso
      que tudo seja belo.
      É preciso que de súbito
      se tenha a impressão de ver uma garça
      apenas pousada e que um rosto
      adquira de vez em quando essa cor
      só encontrável no terceiro minuto da aurora."

      "Receita de Mulher"
      Vinícius de Moraes

      Pois é, António, há dias que digo 'bem'
      noutros só digo disparates. :)

      Beijinhos.

      Eliminar
  3. Acho a criação deste dia internacional da mulher uma atitude muito condescendente que não me agrada. Não sei (?) por que o dia internacional do homem não é celebrado com tanta pompa e circunstância! :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. "Ah, deixai-me dizer-vos
      Que é preciso que a mulher que ali
      está como a corola ante o pássaro
      seja bela ou tenha pelo menos um
      rosto que lembre um templo e
      seja leve, como um rosto de nuvem:
      mas que seja uma nuvem"

      "Receita de Mulher"
      Vinícius de Moraes


      :)) Pois é Catá, se calhar nós merecemos mais 'pompa e circunstância'...Sei lá!!

      Beijinhos. :)

      Eliminar
  4. Hoje como nos outros 364 dias, é meu o dia, e não o cedo a ninguém :-))

    Beijocas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. "Que seja tudo belo e inesperado.
      É preciso que umas pálpebras cerradas
      lembrem um verso de Eluard
      e que se acaricie nuns braços
      alguma coisa além da carne:
      que se os toque como ao âmbar de uma tarde".

      "Receita de Mulher"
      Vinícius de Moraes

      Fazes bem em nada ceder, Noname!!
      Nem um dia, nem uma hora.
      A César o que é de César
      a NN o que é de NN...;)) eheh

      Beijocas tantas!

      Eliminar
  5. Quando era miúda recitava um poema que encantava os amigos dos meus pais:

    "Teresinha é o meu nome Guimarães de Vasconcelos, sou filha de boa gente oriúnda de Barcelos.
    ...........…...................................................

    Quem me dera ser rapaz. Ser menina, que impressão isso me faz.

    A luta para uma vida com pompa e circunstância, continua...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. "Uma boca fresca (nunca húmida!)
      é também de extrema pertinência.
      É preciso que as extremidades sejam magras: que uns ossos
      despontem, sobretudo a rótula no cruzar das pernas,
      No enlaçar de uma cintura semovente.
      Gravíssimo porém o problema das saboneteiras:
      uma mulher sem saboneteiras
      É como um rio sem pontes."

      "Receita de Mulher"
      Vinícius de Moraes

      Teresinha Guimarães de Vasconcelos vê lá se, depois disto, ainda queres ser rapaz, pois a mim, ser menina muito me apraz.!! :)

      Beijinhos, Teresa! :)

      Eliminar
  6. Respostas
    1. "Indispensável
      Que haja uma hipótese de barriguinha, e em seguida
      a mulher se alteie em cálice, e que os seios
      sejam uma expressão greco-romana,
      mais que gótica ou barroca."

      "Receita de Mulher"
      Vinícius de Moraes

      Quem é que não gostaria de ser assim todos os dias, Luísa? :)

      Beijinhos. :)

      Eliminar
  7. Somos rainhas hoje até à meia-noite Janita !!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. " Que a mulher seja em princípio alta.
      Ou caso baixa,
      que tenha a atitude mental dos altos píncaros.
      Ah, que a mulher dê sempre a impressão de que se se fechar os olhos ao abri-los ela não mais estará presente
      com o seu sorriso e suas tramas."

      "Receita de Mulher"
      Vinícius de Moraes

      Ângela, antes Rainhas por um dia do que plebeias toda a vida. :))

      Beijinhos! :)

      Eliminar
  8. Respostas
    1. "Que ela surja, não venha, parta, não vá.
      E que possua uma certa capacidade
      de emudecer subitamente e nos fazer beber
      o fel da dúvida.
      Oh, sobretudo
      Que ela não perca nunca,
      não importa em que mundo."

      Hoje e todos os dias, Adélia!

      Beijinhos

      Eliminar
  9. Que vídeo impressionante e que canção linda amiga Janita.
    Obrigada!
    Um beijinho de uma Mulher para outra Mulher.

    O Toque do coração

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. "Não importa em que circunstâncias,
      a sua infinita volubilidade de pássaro;
      e que acariciada no fundo de si mesma
      se transforme em fera sem perder a sua graça de ave;
      e que exale sempre o impossível perfume; e destile sempre
      o embriagante mel; e cante sempre o inaudível canto."

      "Receita de Mulher"
      Vinícius de Moraes


      Obrigada, eu, querida Fernanda.

      Beijinhos retribuídos.:)

      Eliminar
  10. Excelente vídeo. E muito bonito o poema do Vinicius de Moraes.
    De mulher para mulher, um abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada amiga Elvira, também guardei um bocado de poema para si:

      " À sua combustão; e não deixe de ser nunca a eterna dançarina do efémero e eu a sua incalculável imperfeição.
      Constitua a coisa mais bela e mais perfeita de toda a criação inumerável."

      Beijinhos e um abraço.

      Eliminar
  11. Eu também, mas... tinha-me dado jeito ter nascido homem... têm uma vida bem mais sossegada e mais reconhecida... Mas enfim!

    Beijinhos para ti e para todas as Mulheres, todos os dias.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois olha que eu não, Graça. Estou muito contente na minha pele de Mulher. Sempre quis ser Mãe e se fosse homem como seria?

      " Os olhos que sejam de preferência grandes
      E de rotação pelo menos tão lenta quanto a da terra; e
      Que se coloquem sempre para lá de um invisível muro de paixão que é preciso ultrapassar."

      Como já deves ter reparado:

      "Receita de Mulher"
      Vinícius de Moraes.

      Beijinhos hoje e sempre.

      Eliminar
  12. Tenho Vinícius para uns tempos.
    Isto dos 'Dias de' já deixou de ter piada, muito mais se for o da Mulher, pois não é aceitável que tenha um Dia especial para si, se estamos a falar de género.
    Destoei? Sorry.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Só por causa disso aqui vai mais Vinícius. :)

      "De nada ter a ver com o corpo, e a mulher não lembre
      Flores sem mistério. Pés e mãos devem conter elementos góticos. Discretos. A pele deve ser fresca nas mãos, nos braços, no dorso e na face. Mas que as concavidades e reentrâncias tenham uma temperatura nunca inferior
      A 37º centígrados, podendo eventualmente provocar queimaduras do 1.° grau."

      Obviamente:
      "Receita de Mulher"
      Vinícius de Moraes.

      Não destoou porque foi assim que, também para o Homem, um Dia se criou. :)

      ( continuo numa de rimas )

      Beijinhos.



      Eliminar
  13. Mas que pedalada, hoje! Gostei desta.

    ResponderEliminar
  14. MULHER! Yu estás imparável, conta aí - o que tonaste? ahahahaha

    Beijocas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já parei, Noname! Incharam-me os pés!!

      Beijocas.

      Eliminar
  15. Vinicius era um passarão de primeira apanha
    Mas, como cozinheiro, sabia da poda

    e eu conheço a receita

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ...acabou-se o que era doce, Rogério.
      Hoje não há mais Vinicius.

      Se conhece a receita
      vá à RTP com a sua neta. :)

      ( a minha neta cozinha melhor que a tua)

      Eliminar
  16. Mas ontem era especial porque era o dia de aniversário da minha mulher.
    E seria também o dia de aniversário da Teté.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não sabia que ontem seria o aniversário da Tina, Pedro.
      Vão agora os meus Parabéns e votos de muita saúde e longa vida.

      Quanto à nossa Amiga Teté sabia, pelo que lhe deixei uma mensagem no post que a família publicou no "Quiproquó".
      Ofereci-lhe carinho e um Lírio roxo, do campo.

      Beijinhos

      Eliminar
  17. Janita,
    Sabes uma coisa? Entendo a necessidade deste dia, pelo contexto do mundo em que vivemos, mas para mim é dia da mulher todos os dias, tal como todos os dias é dia do homem. Não é preciso dizer mais, sei que me entendes.

    Um beijinho :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A necessidade deste Dia não se resume apenas ao contexto do que acontece actualmente, A.C. (penso eu) Mas a barbaridades que vêm acontecendo há séculos. A amputação dos orgãos genitais femininos a jovens que entram na puberdade e outras atrocidades inerentes a culturas em que a Mulher é considerada menos que nada, é muito mais importante do que o apregoado direito à igualdade de género actual, em que o contexto é a discriminação salarial.
      ( isto é tema que daria pano para mangas e não só)

      Um beijinho, A.C. :)

      Eliminar
    2. Infelizmente, Janita, daria mesmo pano para mangas. Mas acho que é altura de as mulheres se chegarem à frente de forma digna, convicta, pois o seu lugar na sociedade, penso eu, é imprescindível e inquestionável. Para quê, então, perderem-se em reivindicações de situações que não vivem, quando se deveriam concentrar em ser exemplo de postura?
      Em qualquer luta tem que haver referências, pela positiva, só assim as coisas fazem sentido. Resumindo, uma mulher sem direitos carece, além de apoio, de se referenciar com mulheres que já conquistaram outro estatuto, de sentir que há um mundo em que é é possível estar de outra forma. A sua luta é muito própria, muito sua, pois ninguém se poderá colocar no seu lugar. Elas não precisam de pessoas que vivam a sua situação - coisa impossível - mas de condições sociais e políticas que lhes proporcionem outra forma de ser, de estar, que promova a sua auto-estima.
      Já escrevi tanto - coisa rara em mim - que começo a duvidar que esteja a ser claro, apesar de ser essa a minha intenção. Será que o consegui?

      Um beijinho, Janita :)

      Eliminar
    3. Conseguiste ser claro sim, AC., não posso é concordar com tudo o que dizes, até porque há uma parte neste teu discurso, que contraria outra. Não concordas que a Mulher se perca em reivindicações de situações que não vive, mas que deveria concentrar-se na luta pela qualidade da sua própria vida. Claro que estou a usar palavras minhas, mas creio que a ideia é tua.

      "Elas não precisam de pessoas que vivam a sua situação - coisa impossível - mas de condições sociais e políticas que lhes proporcionem outra forma de ser, de estar, que promova a sua auto-estima."

      Correcto! Mas como se consegue isso sem reivindicar esses direitos numa sociedade onde não existam? A união faz a força e só juntando esforços de TODOS, se poderá eliminar desigualdades.
      Lembra-te do que 'disse' John Done e Ernest Hemingway se inspirou para escrever o seu romance "Por Quem os Sinos Dobram": Nenhum homem é uma ilha isolada...

      Beijinhos, A.C. :)

      Eliminar
  18. Foste uma boa "argumentadeira". :)

    Um beijinho, Janita :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E tu és um grande Homem!

      Um beijinho, A.C. :)

      Eliminar